Extensão

A política Institucional de Extensão da FAMP – Faculdade Morgana Potrich seus princípios norteadores são pautados principalmente no tripé educacional, qual seja, ensino, pesquisa e Extensão, que se enriquecem e projetam-se na comunidade por meio das atividades desenvolvidas. “Considera-se que a extensão representa um trabalho em que a relação escola-professor-aluno-sociedade passa a ser de intercâmbio, de interação, de influência e de modificação mútua de desafios e complementaridade. Diante das questões propostas pela realidade social, ela acaba sendo um meio de formar profissionais cidadãos capacitados a responder antecipando e criando soluções alternativas e interdisciplinares as questões postas pela sociedade”. (Plano de Desenvolvimento Institucional, 2016-2020).

A Faculdade visa o atendimento a Legislação Brasileira, conforme determina a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (LDB), Lei Nº 9.394/96, ao que prescreve o artigo 207 da Constituição Brasileira, define que a “Extensão Universitária é o processo educativo cultural e científico que articula o ensino, a pesquisa  e a extensão de forma indissociável” promovendo uma relação transformadora.

Nessa perspectiva conceitual, a extensão é um trabalho interdisciplinar que favorece a visão integrada do social. Com esse novo conceito afirma-se o compromisso social que a universidade deve assumir com a comunidade na qual está inserida, visando a intervenção na realidade em busca de ações coletivas que beneficiam a universidade e a população.

Na Política de Extensão na FAMP incluem-se também o atendimento as Linhas Temática ao Programa de Apoio a Extensão Universitária MEC/SESu de 2016.
O Departamento de Extensão possui um Termo de Convênio entre os partícipes de cooperação técnica, científica e cultural. Visa desenvolver a execução de Programas de Extensão, Projetos, Cursos, Eventos e Prestação de Serviço.

Suas atividades na Faculdade são sancionadas, através de um cadastro no Departamento de Extensão e se pauta pela Aprovação do CONSEP da FAMP – Faculdade Morgana Potrich

 

1 LINHAS TEMÁTICAS

Atividades extensionistas devem ter caráter educativo, social, cultural ou tecnológico com objetivo específico e inseridas em uma das seguintes linhas temáticas que estão contidas no Edital PROEXT 2016 (Programa de Apoio à Extensão Universitária MEC / SESu):
Linha 1 – Educação
Linha 2 – Cultura e arte
Linha 3 – Promoção à saúde
Linha 4 – Desenvolvimento urbano
Linha 5 – Desenvolvimento rural
Linha 6 – Estágios interdisciplinares de vivência

Linha 7 – Redução das desigualdades sociais e combate à extrema pobreza
Linha 8 – Preservação do patrimônio cultural Brasileiro
Linha 9 – Direitos Humanos
Linha 10 – Promoção da igualdade racial
Linha 11 – Mulheres e relações de gênero
Linha 12 – Esporte e lazer
Linha 13 – Comunicação
Linha 14 – Desenvolvimento regional: inclusão produtiva, defesa civil e acesso à água
Linha 15 – Justiça: Cidadania, Inclusão e Direitos
Linha 16 – Ciência, tecnologia e inovação para inclusão social
Linha 17 – Meio ambiente e recursos naturais
Linha 18 – Relação entre estado e sociedade, promoção da participação social e políticas para a juventude.
Linha 19 – Modernização da gestão pública.

 

2 MODALIDADES DE EXTENSÃO

As Modalidades de Extensão são as possíveis maneiras em que serão implementos dentro de uma Área Temática. Pode-se dizer que a Modalidade é a forma em que o Projeto será desenvolvido pela Extensão, ou seja, a Modalidade informa a maneira em que será implementado e desenvolvido:

 

2.1-PROGRAMAS DE EXTENSÃO

São as atividades implantadas ao conjunto articulado de ações de extensão, ensino e pesquisa, tendo caráter orgânico – institucional, clareza de diretrizes e por suas áreas temáticas: Infância, Adolescência e Família, Inclusão Digital, Defesa do Meio Ambiente, Memória Cultural; Etnia; Saúde Coletiva; Produção Artística: – Estimular a realização de eventos artísticos; Direitos humanos; Gerontologia e orientação para um objetivo comum e execução a médio e longo prazo.

 

2.2-PROJETOS DE EXTENSÃO

São ações voltada ao processo educativo, cultural e científico como articulador do ensino são propostas, coordenados e executados por acadêmicos, considerando as demandas por formação e qualificação dos sujeitos sociais, com objetivo específico e prazo determinado. Incluem-se documentos referentes à apresentação da proposta, objetivos, justificativa, metodologia, equipe de trabalho, cronograma, orçamentos, pareceres de aprovação e autorização dos órgãos competentes- CONSEP_. Incluem-se Relatórios Parciais e Finais e os produtos resultantes da execução do projeto teve ser no mínimo, 10 horas.

 

2.3-CURSO DE EXTENSÃO

Conjunto articulado de ações pedagógicas, de caráter teórico e/ou prático, planejadas e organizadas de maneira sistêmica, com carga horária definida e processo de avaliação. Inclui oficina, workshop, laboratório e treinamentos. Os cursos devem ter, no mínimo, 8 horas. Podem ministrar os cursos de extensão: professores da FAMP – Faculdade Morgana Potrich, docentes de empresas conveniadas, demais profissionais com competência reconhecida na docência.  Cursos não podem ser registrados como projetos, embora sua elaboração o envolva a existência de um projeto operacional. São atividades com o objetivo de proporcionar uma atualização frente às recentes mudanças jurídicas, administrativas, tecnológicas e educacionais. Incluem-se documentos referentes a apresentação da proposta, objetivos, justificativa, metodologia, equipe de trabalho, cronograma

 

2.4-EVENTOS

Ações que implicam na apresentação e/ou exibição pública do conhecimento referentes às atividades de curta duração como seminários, exposições, congressos, fóruns, semanas, espetáculos, jogos e competições esportivas, olimpíadas, festivais, feiras, visitas técnicas, palestras, debates ou equivalentes que contribuem para a disseminação do conhecimento. Tem como fator central promover um intercâmbio e uma transmissão de novos conceitos, ideias e conhecimentos de interesse e relevância sociais.   Os eventos devem ter, no mínimo, 4 horas e, no máximo, 20 horas. Incluem-se documentos referentes à apresentação da proposta, objetivos, justificativa, metodologia, planejamento e programação, equipe de trabalho, cronograma, orçamentos, pareceres de aprovação e autorização dos órgãos competentes, registro do evento de extensão, carga horaria e número de vagas.

Divulgação: Incluem-se documentos de caráter promocional como folders, cartazes jornais, folhetos e anúncios.

Inscrição: Obrigatório para todos os participantes do Evento, sob responsabilidade do professor coordenador do evento.

Frequência: Lista obrigatória e manuscrita por cada participante.

Avaliação e Resultados: Incluem-se Relatórios Parciais e Finais e os produtos resultantes da execução do evento.

 

2.5-PRESTAÇÃO DE SERVIÇOS

É a resultante de ação da Extensão com interesse acadêmico, científico, filosófico, tecnológico e artístico que articule Ensino, a Pesquisa e a Extensão. Pode ser considerado como um trabalho de caráter social, ou seja, uma ação deliberada que se constitui a partir da realidade e que vise a uma transformação social. Ela caracteriza-se por atividades de serviços profissionais que atendam às demandas tanto de pessoas físicas, como jurídicas, de direito público ou privado. – Realização da prestação de serviços envolve trabalhos à comunidade, empresas, órgão públicos etc., através de assessorias, consultorias e cooperação. Incluem-se documentos referentes a apresentação da proposta, objetivos, justificativa, metodologia, equipe de trabalho, cronograma, orçamentos, pareceres de aprovação, autorização dos órgãos competentes e registro da prestação de serviço.

Avaliação – Resultados: Incluem-se Relatórios Parciais e Finais e os produtos resultantes da execução da prestação de serviço.

Observação – Qualquer ação extensionistas realizada por acadêmicos da FAMP – Faculdade Morgana Potrich deve ser registrada junto ao departamento de extensão de acordo com o caráter da ação.

 

Anexos